Home » Beleza e Saúde » Comportamento » Benefícios do pilates na gestação

Benefícios do pilates na gestação




Uma gravidez normal dura em torno de 38 a 42 semanas. Durante esse período, a mulher passa por diversas fases: enjoos, náuseas, desidratação, sensibilidade das mamas, alterações emocionais etc. Claro, cada mulher apresenta seus sintomas, não quer dizer que ao engravidar terá de passar por todos esses mencionados. Outra etapa pela qual a futura mamãe passa é a alteração no seu próprio corpo. O ideal é que desde o início da gravidez sejam procuradas atividades físicas para amenizar os desconfortos causados por essas alterações. O pilates, por exemplo, é uma atividade bastante interessante para as grávidas. Confira em nosso site quais são os benefícios do pilates na gestação.

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Benefícios do pilates na gestação

A prática do pilates na gestação proporciona às futuras mamães um fortalecimento da parede abdominal, além da diminuição das tensões ocasionadas pelos músculos.

Outro benefício é o fortalecimento dos músculos dos membros superiores para carregar o bebê, futuramente, e ajustar o corpo ao aumento de peso e de volume dos seios.

O pilates proporciona uma mobilização da coluna lombar, cuja perde sua curva natura durante o período da gravcidez, aliviando, portanto, as dores.

Aumenta a circulação sanguínea, já que também são fortalecidos os músculos das pernas.





O pilates também melhora o sono e a concentração de toda a mecânica respiratória, ou seja, a mulher grávida passa a respirar melhor.

Com o pilates, o crescimento do útero e do bebê é adqueado conforme o controle da gestante quanto ao seu peso.

Veja aqui: Como corrigir a postura do corpo no trabalho e em casa

O que acontece na gravidez?

Durante a gestação, as futuras mamães enfrentam diversos desconfortos ocasionados pelas alterações hormonais e físicas típicas desse período.

Nos primeiros meses, aqueles em que a barriga mal aparece, é comum que as mulheres sintam náuseas, enjoos, tonturas, alterações emocionais etc. Esses sintomas passam quando a barriga começa a crescer. Depois, outros sinais passam a fazer parte desse período, tais como as dores em decorrência da alteração no corpo.

Durante a gravidez, algumas das alterações no corpo da mulher acontecem, as mais comuns são as seguintes: cabeça interiorizada, rotação interna dos úmeros, músculos peitorais encurtados e fortes, músculos dorsais fracos e alongados, músculos abdominais estirados, hiper lordose, sacro nutado, musculatura lombar e flexora do quadril curta e tensa, rotação lateral dos fêmures, hiperextensão dos joelhos e peso no corpo para o calcanhar.

Portanto, no caso de uma grávida sedentária, é preciso que sejam praticadas atividades físicas após o terceiro mês, fase em que o bebê já está quase formado. Isso porque, através das atividades físicas, a gestante pode até mesmo diminuir as suas dores.

O pilates respeita o grau de condicionamento físico do aluno que o está praticando, por isso, é além de benéfico, é também confortável para a mulher grávida e inclusive para o bebê.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*