Home » Educação » Atividades Recreativas para Educação Infantil com Objetivos: Ideias

Atividades Recreativas para Educação Infantil com Objetivos: Ideias

Conheça agora algumas ideias de atividades recreativas para Educação Infantil com objetivos



Dentre as muitas atividades recreativas que existem na Educação Infantil, uma boa parte delas têm o intuito de alcançar algum objetivo secundário importante. Isto é, por mais que a ideia principal seja promover a diversão, sempre haverá um aspecto voltado a garantir ou estimular o desenvolvimento de alguma habilidade ou competência.

Diante desse cenário, resolvemos listar aqui uma série de ideias relacionadas a atividades recreativas que tenham algum objetivo específico, além de divertir. Desse modo, educadores ou pais interessados no desenvolvimento dos seus filhos, poderão promover momentos memoráveis para as crianças e ajudá-las a crescer de forma eficiente.

O que são atividades recreativas?

Conforme o nome sugere, as atividades recreativas são aquelas cuja execução acontece durante os momentos de lazer, sendo geralmente consideradas como opções para passar o tempo, para sentir prazer ou felicidade. Isto é, essas atividades tem um objetivo principal garantir a diversão.





No entanto, é bom lembrar que, por mais que a intenção seja conseguir belos sorrisos das crianças e promover uma excelente sensação de bem-estar, isso não quer dizer que alguns objetivos secundários, como o desenvolvimento da coordenação motora, por exemplo, não possam ser alcançados.

atividades recreativas
(Foto: Unieducar)

Enfim, saber alcançar objetivos importantes com as atividades recreativas, sem deixar de lado o caráter lúdico é o grande desafio dos educadores.

Exemplos de atividades ao ar livre

Se existe uma coisa que as atividades recreativas conseguem proporcionar de diversas formas, é o contato com a natureza. Nesse caso, não faltam ideias de atividades que podem ser realizadas ao ar livre. E claro, muitas possuem seus objetivos secundários. Confira abaixo alguns exemplos:

  • Pintura ao ar livre: Seja com telas ou, até mesmo, com um grande tecido colocado sobre o chão, as pinturas ao ar livre garantem muita diversão e, ao mesmo tempo, ajudam a desenvolver a coordenação motora fina e a criatividade;
  • Corrida com obstáculos: Em uma grande área ao ar livre, é possível criar um circuito interessante e desafiar os pequeninos a superar todos os obstáculos. Com isso, a coordenação motora grossa é desenvolvida enquanto as crianças se divertem;
  • Piquenique: Nessa opção de divertimento ao ar livre, a ideia é aproveitar o momento de descontração para conversar sobre os mais diversos assuntos, incitando novas ideias ou abordando temas como a importância de uma boa alimentação, etc.

Dicas de atividades recreativas em sala de aula

Apesar de o espaço ser reduzido, em relação a um grande pátio ao ar livre, muitas atividades recreativas podem ser feitas dentro de uma sala de aula. Aliás, por conta das limitações espaciais, o ideal é manter o foco em técnicas mais divertidas que possam promover exercícios de criatividade ou abordar assuntos educativos de uma forma mais leve.

Dessa maneira, algumas boas ideias se resumem à criação de peças artísticas de diversos tipos. Por exemplo:

  • Teatro de Fantoches: Para essa atividade, é possível colocar as crianças para criar seu próprios fantoches, desenvolvendo inúmeras habilidades manuais, e promover a criatividade com peças teatrais inusitadas;
  • Música: Cantar canções ou ensaiar coreografias pode ser uma boa forma de exercitar a memória, a coordenação motora e a criatividade;
  • Trabalhos manuais: Nesse grupo, podemos incluir pinturas, colagens, trabalhos com massinha ou argila, etc. Com essas opções, diversas habilidades são desenvolvidas ao mesmo tempo.

Exemplos de atividades recreativas na educação física

Por fim, existem aquelas atividades recreativas que tem o intuito de realizar exercícios que ajudarão as crianças a desenvolver seus corpos de forma eficiente. Felizmente, as atividades que têm esse objetivo são muitas e, na maior parte dos casos, as crianças adoram praticá-las.

Exemplos de atividades recreativas
(Foto: Mundo da Criança Gospel)

Veja abaixo alguns bons exemplos:

  • Cabo de Guerra;
  • Pular Corda;
  • Praticar esportes ou brincadeiras com bola (queimado, futebol, arremessos, etc.);
  • Corrida de Saco;
  • Amarelinha.

Para concluir, podemos dizer que, de modo geral, é quase impossível que as atividades recreativas não ajudem no desenvolvimento das crianças de algum modo.

Portanto, aos educadores e responsáveis, o ideal será focar em atividades lúdicas e garantir que as crianças se sintam envolvidas com as atividades.

Atividades Recreativas para Educação Infantil com Objetivos: Ideias
Avalie essa matéria!