Home » Empregos » Carreira » Como abrir um negócio em sociedade

Como abrir um negócio em sociedade


Buscando novos rumos para a sua carreira? Saiba como abrir um negócio em sociedade.

No mundo profissional, é imperativo que estejamos cientes sobre todos os caminhos possíveis para nossa carreira.

O trabalhador deve sempre alerta a espaços que possam ser utilizados para seu crescimento, seja em uma empresa alheia, ou seja, em algum tipo de empreendedorismo.

Assim sendo, o profissional deve abalizar maneiras diversas de como proceder no mercado de trabalho.

Em caso de um negócio novo, e quando há a possibilidade de sociedade, é também importante esmiuçar todas as possibilidades para encontrar as melhores soluções.

Como abrir um negócio em sociedade
Como abrir um negócio em sociedade

Negócio em sociedade – como abrir

Um bom caminho para saber mais dicas a respeito deste tipo de negócio é conferir as ideias do SEBRAE.

O órgão, por exemplo, disponibiliza informações sobre temas distintos neste sentido. Entre eles informações básicas para abrir uma empresa, como:

  • Consultas prévias;
  • Registro do Contrato social;
  • Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica;
  • Inscrição Estadual e Municipal;
  • Registro de Alvará;
  • Dados relativos a Registro em Sindicatos, entre outros.
  • Veja também: Como ganhar dinheiro quando se está desempregado

Como abrir um negócio em sociedade

Outros pontos importantes são citados pelo portal Meu Advogado em relação à abertura de um negócio em Sociedade:

  • O que é agir em sociedade e como constituí-la;
  • Elaboração correta de contrato social;
  • Itens importantes na estrutura do contrato, como descrição de dados dos sócios, nome da empresa, capital social e objetivo da sociedade;
  • Como escolher o futuro sócio;
  • Pontos a serem considerados em relação ao sócio;
  • Dia a dia da empresa, entre outros.

Negócio em Sociedade

Já o portal Pequenas Empresas & Grandes Negócios também pondera pontos relacionados a uma sociedade deste tipo. Entre alguns deles estão:

  • Ter ciências dos deveres e tarefas de cada sócio;
  • Verificar projetos e expectativas;
  • Escolha do sócio com base em afinidades profissionais;
  • Determinação de lucros;
  • Investigação do perfil do sócio;
  • Definição de quem manterá a empresa em caso de rompimento, entre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

var _gaq = _gaq || []; _gaq.push(['_setAccount', 'UA-20014737-1']); _gaq.push(['_trackPageview']); (function() { var ga = document.createElement('script'); ga.type = 'text/javascript'; ga.async = true; ga.src = ('https:' == document.location.protocol ? 'https://ssl' : 'http://www') + '.google-analytics.com/ga.js'; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(ga, s); })();