Home » Informações úteis » Novas regras para Lei Seca para 2013

Novas regras para Lei Seca para 2013




Confira em nosso site as novas regras para Lei Seca em 2013.

A Lei Seca proíbe, desde 2008, consumo de bebida alcoólica superior a 0,1 mg de álcool por litro de ar expelido, captado via exame do bafômetro (ou 2 dg de álcool por litro de sangue) por condutores de veículos. Devido a um novo projeto de uma comissão do Senado, a lei pretende ficar ainda mais severa. Confira em nosso site as novas regras para a Lei Seca em 2013.

Lei Seca – Novas regras para 2013

Uma comissão do Senado aprovou um projeto que inclui como provas de embriaguez do motorista a apresentação de vídeos e de testemunhas.





A multa para motoristas embriagados terá seu valor dobrado.

O projeto está aguardando aprovação do plenário do Senado para que entre em vigor ainda este ano, para as festas de final de ano.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, 20% de todos os acidentes que envolvem vítimas no país envolvem também um motorista embriagado.

O projeto aprovado na Comissão de Constituição e Justiça do Senado aumenta a punição para quem for pego dirigindo depois de beber.

O valor da multa passará a custar de R$ 957 a R$ 1,915.

Se no prazo de um ano, o motorista for flagrado novamente em estado de embriaguez, terá de pagar R$ 3,830 e terá a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida.

Sobre a Lei Seca

A Lei Seca está em vigor no Brasil desde junho de 2008, cuja alterou o Código de Trânsito brasileiro.

A lei proíbe o consumo de bebida alcoólica na quantidade superior a 0,1 mg de álcool por litro de ar expelido, que é verificado através do exame do bafômetro (ou 2 dg de álcool por litro de sangue) por condutores de veículos.

Se caso o condutor for pego em flagrante, será sujeito a pena de multa, de suspensão da Carteira Nacional de Habilitação por 12 meses e até a pena de detenção, dependendo da concentração de álcool por litro de sangue.

Novas regras para Lei Seca para 2013
Avalie essa matéria!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*