Home » Educação » Atividades Extracurriculares: o que são, exemplos

Atividades Extracurriculares: o que são, exemplos

Veja o que são atividades extracurriculares e qual sua a importância no currículo e até mesmo nas escolas



Com boas atividades extracurriculares sendo evidenciadas em um currículo, é possível fazer com que um conjunto de aptidões ou habilidades ganhe um apelo ainda maior. Com isso, os recrutadores terão as provas de que o candidato possui uma experiência adicional nas áreas informadas.

Obviamente, nem todas as atividades extracurriculares ajudam a enriquecer um currículo. Por esse motivo, resolvemos criar esse pequeno guia com as explicações relacionadas ao conceito de atividades extracurriculares e alguns exemplos para lhe ajudar a explorá-las ao máximo.

O que são atividades extracurriculares?

Como o nome sugere, as atividades extracurriculares são aquelas que ultrapassam a alçada das atividades praticadas dentro de um padrão comum. Por exemplo, atividades em regime de voluntariado, não são obrigatórias e podem ser realizadas de forma extracurricular.

Dessa maneira, podemos dizer que essas atividades são aquelas que você realiza ou já realizou em algum momento da vida, e que contribuem para enriquecer a sua vida pessoal e profissional. E claro, dependendo do tipo de processo seletivo, ter uma atividade extracurricular relevante e interessante para os objetivos do recrutamento pode ser um diferencial e tanto.

atividades extracurriculares
(Foto: Faculdade Network)

Entretanto, apresentar toda e qualquer atividade extracurricular não é uma estratégia muito indicada. Afinal, as empresas só querem saber sobre os assuntos que podem ser interessantes para elas. Por isso, por mais que você tenha realizado inúmeras atividades extracurriculares, existem aquelas que “pegam bem” e aquelas que “pegam mal” em um currículo.





Exemplos de atividades extracurriculares para currículo

Como dissemos, a indicação de atividades extracurriculares em um currículo pode dar ao candidato uma grande vantagem. Contudo, é importante levar em consideração o tipo de empresa e para qual vaga a candidatura está sendo feita.

De qualquer modo, existem alguns exemplos que, de modo geral, serão sempre uma boa ideia. Confira:

  • Cursos de empreendedorismo: Os recrutadores costumam enxergar esse tipo de curso com bons olhos. Nas aulas desses cursos, os alunos aprendem a pensar de forma proativa, desenvolvendo suas capacidades de liderança, organização, etc. E essas capacidades são valorizadas em quase todas as empresas;
  • Cursos de idiomas: Essa é uma escolha óbvia, pois, no mundo globalizado, saber falar outro idioma é quase uma obrigação. Aqui no Brasil, o Inglês e o Espanhol são os idiomas mais exigidos, fica a dica!;
  • Atividades em regime de voluntariado: Nesse caso, além da sua satisfação pessoal, os recrutadores costumam levar em consideração essas atividades, pois elas indicam que o candidato passou por experiências sociais, desenvolvendo suas capacidades de relacionamento, trabalho em equipe e comunicação;
  • Esportes: Pode parecer um ponto desnecessário a ressaltar, mas existem estudos que comprovam que os esportes ajudam a desenvolver habilidades essenciais para o mercado de trabalho. E não se engane, os recrutadores sabem disso. Faça o possível para, pelo menos, mencionar a sua atuação em alguma modalidade esportiva;
  • Intercâmbios: Essas atividades são enriquecedoras e conseguem nos ajudar a “expandir os horizontes” de uma forma incrível. Além das experiências vividas, um intercâmbio também pode favorecer o “apelo” do seu curso de idiomas.

Atividades extracurriculares nas escolas

Por fim, podemos lembrar que as atividades extracurriculares também podem ser realizadas nas escolas. Aliás, existem instituições de ensino que oferecem as chamadas oficinas. Isto é, atividades extracurriculares disponibilizadas para os alunos, abordando diversos segmentos, como as artes, os esportes, as ciências, etc.

exemplos de atividades extracurriculares
(Foto: Colégio Marupiara)

Dependendo do tipo da vaga, algumas dessas atividades podem ser um fator relevante para o seu sucesso.

Portanto, as atividades extracurriculares são um tipo de “atrativo adicional” de um currículo, e saber como indicá-las pode representar o sucesso em alguns processos seletivos. Enfim, esperamos que agora você tenha noção da importância dessas atividades e que tenha descoberto como aproveitá-las para enriquecer o seu currículo e obter bons resultados em quaisquer candidaturas.