Silício Orgânico – Para que serve, onde encontrar

Saiba onde encontrar o Silício Orgânico – Para que serve, onde encontrar. O silício orgânico,  está se tornando uma substância muito valorizada para quem deseja ter uma pele bonita.  Alguns fatores contribuem para a valorização desse componente, aproveite esse artigo para conhecer um pouco mais das funcionalidades dessa arma para a saúde humana.

Silício Orgânico

O silício orgânico pode ser obtido direto de alimentos naturais(Foto:Divulgação).

O silício orgânico é um elemento químico encontrado na natureza, geralmente proveniente de areias, argilas, granito, quartzo e areia. Ele é conhecido no mundo da química pelo símbolo Si. O componente foi descoberto por Antoine Lavoisier em 1787, porém outras funcionalidades  relacionadas a ele, vem sendo estudadas através de pesquisadores e por isso aumentou o interesse pelo silício orgânico que está presente em alguns alimentos.

O silício orgânico é um pouco diferente do que consta na tabela periódica e a sua importância acontece pelo fato dele ser importantíssimo nos tecidos conjuntivos do ser humano, sendo responsável por manutenção da flexibilidade e elasticidade da pele.

Para que serve

Ainda não foi comprovado mas,  os cientistas e estudiosos acreditam que quando ingerido em pequenas doses é importantíssimo para a produção da matriz dos ossos, assim como a sua calcificação no ser humano. Outro fator importante é que influenciam diretamente a ação da Vitamina D e está relacionado com a cartilagem e tecido conjuntivo.

Leia também:

Onde encontrar

A alimentação pode ser a maior aliada no combate do envelhecimento, proporcionando melhor condições ao organismo do ser humano e o silício é um dos componentes químicos que ganham espaço quando o tema é esse. O silício orgânico pode ser encontrado principalmente em alimentos como grãos germinados, incluindo:

  • Feijão.
  • Cereais.
  • Aveia.
  • Nabo.
  • Avelã.
  • Salsa.
  • Cerveja.
 O consumo deve ser realizado com cautela, pois como já dizia o estudioso Paracelso  ” A  diferença entre um remédio e um veneno está na dose”. O equilíbrio e o bom senso deve estar presente ao escolher ingerir determinado tipo de alimento, devido a um componente específico. E em casos de dúvidas procure sempre orientação de um profissional da área.

Categoria: Beleza e Saúde


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*