Qual o melhor óleo para fazer frituras – Dicas

Quer aprender como fazer frituras mais saudáveis? Ao contrário do que muitos pensam, é possível preparar alimentos fritos menos prejudiciais à saúde, basta escolher o óleo certo.

Alimentos fritos costumam ser mais saborosos do que quando assados, porém para a saúde o hábito de comer frituras é muito prejudicial.

As frituras, além de muito calóricas, possuem gorduras que não fazem bem ao organismo. No entanto, dependendo do óleo utilizado no preparo deste alimentos, os malefícios podem diminuir consideravelmente.

Confira as dicas a seguir e incorpore novos hábitos para desfrutar de maior qualidade de vida.

Que óleo escolher para fazer frituras?

Melhor óleo para frituras. (Foto: Divulgação).

Apesar de saudável e muito usado para temperar saladas, o azeite de oliva não é indicado para fazer frituras. Isso se deve ao fato de ele oxidar-se rapidamente quando aquecido, também perdendo suas propriedades benéficas.

De acordo com especialistas, os óleos mais indicados para fazer frituras são os óleos de soja, canola, milho e girassol. Outra opção é utilizar manteiga, já que ela não sofre tantas reações químicas quando aquecida a altas temperaturas. Vale lembrar que pessoas que precisam controlar os níveis de gordura no sangue devem optar por alternativas à manteiga.

Leia também:  Dieta do chá mate

O que é gordura trans?

A gordura trans é uma substância adicionada aos alimentos no processo de fabricação para melhorar algumas características sensoriais dos produtos, como cor, textura, aparência e aroma, além de aumentar o tempo de conservação.

Quando consumida em grandes quantidades, a gordura trans causa aumento do colesterol ruim e diminuição do colesterol bom, o que pode provocar problemas como aterosclerose, infarto e derrame cerebral.

Hoje já existem alternativas à gordura trans, como o o óleo de palma, portanto, procure consumir alimentos mais saudáveis e livres da substância.

O que fazer com o óleo usado?

O óleo de cozinha utilizado para fritura não deve ser reaproveitado. O correto é filtrá-lo, retirando os vestígios de alimentos, armazená-lo em uma garrafa pet e encaminhar a um posto de reciclagem.

 

 

Categoria: Benefícios dos alimentos, Sem categoria


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*